Por que Media Training segue tão necessário e atual?

Por que Media Training segue tão necessário e atual?

Em pouco mais de um ano de pandemia, temos acompanhado uma boa movimentação por parte da mídia no sentido de cobrir as coletivas de imprensa, especialmente quando os temas são vacinas ou decretos. A cena de tão corriqueira, intriga executivos acerca da necessidade de também estarem preparados para esse formato de entrevista, o que nos leva ao Media Training.

O treinamento de mídia é um tema amplo. Para citar o básico, inclui conhecer os diferentes tipos de mídia e como se relacionar positivamente com cada jornalista que interage com a sua marca. No caso das entrevistas, cuidar da vestimenta para que a produção do executivo não chame mais atenção do que a notícia e preparar o porta-voz com o um discurso objetivo e coeso. Independente do formato escolhido ser coletiva, o treinamento ainda capacita a avaliar o cenário onde eventuais entrevistas serão concedidas. Mas, ser for para escolher o principal benefício, nós apontaríamos a capacidade de defender um discurso coeso.

Você também precisa saber que não se trata de um treinamento para convencer ou falar bonito. Media Training é antes de tudo, uma oportunidade de estabelecer relacionamento profissional com a imprensa de maneira duradoura, entendendo as melhores maneiras de contribuir e fomentar notícias.

E é a partir dessa vivência, que esse conhecimento traz, não apenas o preparo para lidar com a imprensa ou segurança para conceder entrevistas. Há inúmeros outros pontos positivos já que as técnicas oferecem um olhar mais apurado para participar de lives, pronunciamentos oficiais e até se portar nas redes sociais.

Nós preparamos alguns tópicos abordando essas vantagens:

·         Estar preparado para enfrentar crises com agilidade, especialmente quando o porta-voz da empresa se sente mais seguro a se posicionar publicamente.

·         Melhoria na reputação de imagem e dos atributos da marca.

·         Cada entrevista é uma vitrine de oportunidades. Logo, quem já investe em assessoria de imprensa, sabe que a credibilidade conferida pela imprensa é também um ativo que contribui para o reconhecimento e autoridade da marca.

·         Estar atento a um discurso claro e objetivo, planejando um tom de voz alinhado, o que aumenta as chances de o público acreditar no propósito da empresa ou engajar com os valores da marca.

·         Aprender a utilizar as key-messages ou mensagens-chaves defendendo atributos da sua marca.

Para fechar esse artigo, escolhemos um conceito bastante defendido pela jornalista especializada em Media Training, Aurea Regina de Sá, em seu livro Backstage. Ao abordar 31 histórias sobre os bastidores de entrevistas jornalísticas, além de convidar o leitor a conhecer a si mesmo, ela sempre aproveita para reforçar que “a responsabilidade da comunicação é sempre de quem comunica”. Entender como tudo isso funciona na prática, pode ser libertador.

Por que Media Training segue tão necessário e atual?

Uma ideia sobre “Por que Media Training segue tão necessário e atual?

Os comentários estão desativados.